O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, disse nesse domingo (4) que seu país está preparado para a “ameaça de um embargo do petróleo”, depois que os Estados Unidos e a Argentina disseram estar estudar sanções à commodity do país caribenho.

“Rex Tillerson visitando a Argentina acaba de nos ameaçar com um embargo petrolífero. Estamos preparados  – Venezuela, trabalhadores da indústria petrolífera, nos ameaça o imperialismo, estamos preparados para ser livres e nada nem ninguém vai nos deter”, disse Maduro em mensagem veiculada no facebook.

COMPARTILHE