O presidente Jair Bolsonaro visitou nesta segunda-feira (1º) o Muro das Lamentações, em Jerusalém, ao lado do primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu.

O Muro das Lamentações é um local sagrado do judaísmo. A estrutura, de pedra calcária, é parte do que sobrou de um templo da Antiguidade. Há séculos as pessoas que visitam o Muro fazem orações no local e depositam, nas reentrâncias das pedras, pedidos escritos em papel.

Após uma breve oração ao lado de Netanyahu, Bolsonaro depositou um pedido. Questionado por jornalistas sobre o quê havia sido, ele respondeu: “Deus, olhe pelo Brasil”.