Um tumulto marcou a chegada do presidente autoproclamado da Venezuela, Juan Guaidó, à Assembleia Nacional na manhã desta terça-feira (7).

No último domingo, houve uma votação controversa no Legislativo –o deputado chavista Luis Parra foi escolhido como o novo presidente do Congresso, mas a oposição havia sido barrada na entrada por militares .

Nesta terça-feira (7), agentes da Guarda Nacional Bolivariana e outras forças policiais do país sul-americano impediram, inicialmente, a entrada de Guaidó no prédio do Congresso.

Posteriormente, no entanto, Juan Guaidó conseguiu entrar no local junto de apoiadores.

O cordão policial barrou Guaidó e seus aliados durante cerca de uma hora. Quando os opositores ao regime chavista finalmente conseguiram entrar, o parlamentar autoproclamado presidente venezuelano foi à tribuna e cantou o hino da Venezuela.